quinta-feira, 30 de abril de 2009

Sexo barulhento vale multa de 735 euros

Um casal inglês foi condenado a pagar 650 libras (cerca de 735 euros) de multa por perturbação da ordem devido ao barulho que fazia durante as relações sexuais, refere o Globo.

Os vizinhos gravaram os sons emitidos por Caroline e Steve Cartwright e apresentaram-nos num tribunal de Sunderland, tendo vencido a causa.

«Eu ouvia barulhos sexuais muito altos. Havia muitos gemidos e gritos, como se alguém estivesse a sentir dor. Não era apenas da mulher, mas dos dois», contou a vizinha Rachel O'Connor.

Os «pombinhos» já tinham sido notificados depois da polícia local ter recebido 25 queixas relacionadas com as suas «maratonas sexuais».

«Não faço barulho de propósito. Não tenho a intenção de magoar alguém ou de destruir qualquer propriedade», disse Caroline em tribunal, alegando que também ela se incomoda com o barulho das televisões e dos computadores dos vizinhos.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Cabeleireira viola assaltante

Um assalto a um cabeleireiro na Rússia está a mobilizar a polícia. O crime envolve o assaltante e a cabeleireira do estabelecimento assaltado, avança o jornal G1.

A cabeleireira, identificada como Olga, de 28 anos, viu o seu salão invadido por um homem na passada terça-feira, dia 14. Olga, experiente em artes marciais, conseguiu dominar Viktor, de 32 anos, e levou-o para uma sala reservada, segundo o site «life.ru». A cabeleireira utilizou um secador de cabelo para obrigar o assaltante a render-se e acabou por o prender. No entanto, não chamou a policia.

Olga obrigou o assaltante a tomar Viagra para depois abusar dele várias vezes durante os dois dias seguintes.

Quando foi libertado, o assaltante dirigiu-se ao hospital para curar o pénis «magoado» e depois à esquadra para registar queixa contra a cabeleireira que, por sua vez, só no dia seguinte registou queixa contra Viktor por assalto.

No entanto, a história confunde-se ainda mais porque a policia não consegue ter a certeza sobre quem é o verdadeiro criminoso deste caso de assalto que terminou em «violação».

terça-feira, 28 de abril de 2009

segunda-feira, 27 de abril de 2009

domingo, 26 de abril de 2009

Pastor acusado de roubar paróquia para meter Botox

Um antigo pastor de Nova Iorque foi acusado de desviar dezenas de milhares de dólares da sua paróquia para pagar cirurgia plástica, para injectar Botox e para comprar medicamentos. O Reverendo William Blasingame, que já não exerce funções desde Janeiro de 2009, alegou que a sua saída da igreja de St. Paul's Memorial, em Staten Island, se prendeu com necessidades médicas, refere a AP. 

É acusado de ter roubado 84.537 dólares ao longo de três anos. Este dinheiro estava destinado aos paroquianos com necessidades e à manutenção do piso da igreja. 

Blasingame pode ser condenado a uma pena até 15 anos por roubo de segundo grau e posse de bens alheios. 

O advogado James Hasson alega que as acusações são falsas e afirma que seu cliente «está a ser vítima de um complot». 

sábado, 25 de abril de 2009

Homem teve erecção durante oito dias

Um agricultor peruano, de 53 anos, teve de ser operado após oito dias com uma erecção. 

De acordo com o jornal brasileiro Globo, que cita um cirurgião, o homem dirigiu-se ao hospital onde se queixou que sofria de «uma dor muito forte por causa da erecção». O paciente não terá tomado qualquer tipo de estimulante sexual ou ingerido álcool, adiantou o clínico. 

Os sintomas levaram ao diagnóstico de priapismo, um problema que leva a uma erecção persistente do pénis, muitas vezes devido a um coágulo sanguíneo no tecido eréctil. 

O agricultor foi operado no hospital de Sullena, a cerca de mil quilómetros da capital do Peru, Lima, sendo mantida em segredo a identidade do paciente. 

O cirurgião adiantou que se continua a investigar a causa do problema que afectou o agricultor, de forma a evitar o seu reaparecimento. 

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Incrível: fuga de gás num penalty vale cartão amarelo

A pergunta bem pode passar a fazer parte dos testes para candidatos a árbitro: e se, no momento em que um jogador se prepara para marcar um penalty, um adversário soltar dos calções uma ruidosa manobra de diversão? 

Foi o que sucedeu este domingo, em Inglaterra, durante um jogo de futebol amador, entre o Chorlton Villa e o International Manchester. O árbitro em causa não teve dúvidas: advertiu o jogador com o cartão amarelo, por «conduta imprópria» e ordenou a repetição da falta, já que o jogador do International Manchester, possivelmente gaseado, acusou o toque, falhando a primeira conversão do penalty. À segunda, sem ruídos gástricos à mistura, foi mesmo golo. 

O caso aconteceu em Stretford e motivou algumas críticas do treinador do Chorlton Villa, citado pelo Guardian: «O primeiro penalty foi defendido por ter sido mal marcado, não foi por causa do barulho. Ninguém protestou com o árbitro e os nossos adversários ficaram tão chocados como nós», afirmou Ian Treadwell, que garantiu ter entre mãos uma equipa «normalmente exemplar». 

Apesar de uma ou outra fuga de gás, e de três expulsões e duas advertências no jogo com o International Manchester, Treadwell garante que não tem «uma equipa suja» (valha-nos isso...) lembrando que as expulsões aconteceram na sequência de discussões com o árbitro. «Aguardamos com expectativa o relatório da Federação», frisou Treadwell, cuja equipa, mesmo reduzida a oito elementos, conseguiu segurar uma vitória por 6-4. 

Do lado do International Manchester, pelos vistos, ninguém levou a mal: «Não há animosidade, somos duas equipas com laços de amizade. Tudo isto foi hilariante», explicou ao Guardian Pauline Riley, secretária do clube.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Homem tinha uma árvore a crescer no pulmão

Uma equipa de cirurgiões russos descobriu com surpresa uma árvore que crescia dentro do pulmão de um paciente. Segundo o jornal «Globo» o homem de 28 anos estava na mesa de operações para que lhe fosse retirado o que os médicos acreditavam ser um tumor. No entanto, quando o abriram, descobriram uma planta de cerca de 5 centímetros que crescia no pulmão. 

O paciente queixava-se de dores no peito e tossia sangue. O sangue que o paciente expelia não era de um tumor maligno, mas de lesões provocadas pelas agulhas das folhas. 

«Quando me disseram que tinham encontrado uma árvore no meu pulmão, achei que estava a delirar», conta o doente. 

Os médicos acreditam que o homem tenha inalado uma semente de um abeto - uma árvore conífera comum na América do Norte, Ásia e Europa -, que depois começou a crescer no pulmão. 

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Pastor realiza missa de Páscoa num bar

O pastor de uma igreja na cidade de Little Rock, no estado do Arkansas, Estados Unidos, anunciou que como forma de inovação vai celebrar o culto da Páscoa, neste domingo, num bar, notícia a «Fox».

Com esta medida, acredita poder atrair novos fiéis para a igreja, que tem 30 membros. Shane Montgomery garantiu que «estaremos reunidos num bar». O pastor não tem dúvidas de que se não se consegue trazer as pessoas à igreja, a igreja tem que ir ao encontro delas: «Se isso for feito, são eliminados os obstáculos».

Montgomery afirmou estar preparado para as reacções negativas, mas destacou que isso não vai ofuscar o impacto positivo da ideia. Se tudo correr bem, revelou que pretende realizar também o Dia da Mãe e Dia do Pai num bar.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

sábado, 18 de abril de 2009

sexta-feira, 17 de abril de 2009

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Vote já...

quarta-feira, 15 de abril de 2009

terça-feira, 14 de abril de 2009

Parou durante perseguição para discutir com a polícia

Uma mulher protagonizou um episódio caricato durante uma perseguição policial, esta sexta-feira, nos arredores de Los Angeles, EUA, refere a FOX.

Durante cerca de uma hora, a condutora foi perseguida e, subitamente, parou, saiu do carro, discutiu com os polícias e regressou à viatura para voltar a fugir.

A perseguição a grande velocidade continuou, com a mulher a andar em círculos e até em contra-mão. O susto foi grande para os outros condutores, mas ninguém ficou ferido.

Mais de 60 quilómetros depois, um polícia conseguiu aproximar-se do carro, a condutora foi retirada através da janela e detida de imediato.

Tempos de crise ...

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Tem 14 filhos de 13 mulheres diferentes... e não paga a pensão

Um homem, de 42 anos, foi preso na passada quinta-feira por não pagar a pensão alimentícia dos seus filhos nos últimos seis anos, de acordo com registos do município de Flint, no Michigan, reportou o BBC Brasil.

Com 14 filhos de 13 mulheres diferentes, Thomas Frazier, desempregado, deve mais de 530 mil dólares.

Segundo o jornal local Flint, Frazier poderá continuar detido caso não efectue um pagamento de 27.900 dólares.

O americano nega ter tantos filhos, afirmando ser pai de apenas três. Segundo ele, o pagamento de 3 mil dólares por mês seria impossível. «Ninguém ganha tanto», disse.

Todavia, Frazier foi detido no mês passado a dirigir um Mercedes Benz, levando consigo 5 mil dólares e uma passagem aérea para a Flórida.

De acordo com o jornal local, Frazier argumentou em sua defesa que terá sido o sistema que o levou a procurar afecto junto das mulheres mais velhas, considerando-se assim uma «vítima».

O americano teria sido pai aos 15 anos, tendo o seu primeiro filho nascido em 1989.

domingo, 12 de abril de 2009

sexta-feira, 10 de abril de 2009

quinta-feira, 9 de abril de 2009

quarta-feira, 8 de abril de 2009

terça-feira, 7 de abril de 2009

Sexy

domingo, 5 de abril de 2009

sábado, 4 de abril de 2009

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Pintar

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Está Frio...

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...